Pontos interessantes ao elaborar uma reportagem multimídia

Pontos importantes para uma boa reportagem multimídia:

– Conhecer o público-alvo
– Tirar proveitos das matérias multimídias
– Saber aproveitar os recursos como, vídeo, áudio, fotos, gráficos
– Saber capturar uma emoção através de um áudio ou vídeo
– Facilitar o entendimento do leitor através dos gráficos
– Captar falas interessantes e aproveitar o som ambiente
– etc

Dicas para melhorar seu texto online:

– O texto deve ser claro e objetivo
– Conhecer o seu público-alvo
– Evitar a voz passiva
– Evitar frases longas e complicadas
– Uma reportagem não deve ser muito longa para evitar o cansaço do leitor
– Ter uma boa manchete para atrair o leitor
– Não escrever manchetes duvidosas, pois, assim o leitor pede o interesse pelo texto
– Os subtítulos servem como “pontos de entrada”, também ajudam a quebrar o texto em partes gerenciáveis
– Pontos e listas são usados para realçar algum item importante de uma reportagem

Jornalismo nas redes sociais

Listarei abaixo algumas dicas do livro “Um guia prático sobre social media optimization” que mais me chamaram atenção:
– facilitar o compartilhamento (Não somente o conteúdo a ser compartilhado tem que ser bom, mas o ato de compartilhar tem que estar facilmente acessível para o leitor)

– Importância do SMO para marcar e empresas: Levar o usuário a clicar no link do concorrente, pode também dar a impressão de que o meu conteúdo está mais completo

– Pode usar hashtags no Twitter, desde que seja com moderação. O ato pode classificar seu post ou pode servir de complemento da mensagem.

Ao meu ver, as principais dicas necessárias para o jornalismo nas redes sociais são:
– Um jornalista de redes sociais deve ter um perfil dinâmico. Ter facilidade para se relacionar com as pessoas de diferentes grupos, sempre sendo gentil e paciente.

– Ser imparcial caso haja uma discussão entre usuários na rede. Deve-se lembrar de que ali também é um espaço aberto.

– Esclarecer situação em que o público erra é permitido, mas nunca rebater ofensas e/ou acusações.

Você costuma ler blogs de jornalistas? Quais? Como o blog jornalístico pode se destacar como diferencial ou, noutra perspectiva, como ferramenta integrada a outras redes como twitter e facebook?

Costumo ler blog de jornalistas Cearenses, como o blog do Eliomar, e o Politica com K, da jornalista Kézia Diniz. O diferencial do blog do Eliomar, que se destaca dentre outros, é a diversidade de recursos que ele utiliza nas postagens. Ele não se restringe somente à textos, seu blog tem vídeos, entrevistas e fotos, e também disponibiliza a opção Cutir do Facebook, e a Tweetar, do Twitter. O nível de interatividade também conta bastante na qualidade do blog, e com o crescimento das redes sociais ele não acabou. E, hoje, é possível interagir os blogs com as redes sociais e garantir um blog com excelente conteúdo e interatividade.

Segundo Liz Heron, quais os principais desafios e equívocos na atuação dos jornalistas em redes sociais e na internet?

Os principais desafios dos jornalistas em redes sociais e internet, pode-se dizer, que é observar os assuntos que os leitores estão falando no momento, pois, muitas vezes, o assunto pode ser de extrema importância e mereça uma cobertura. Esta é uma das maiores dificuldades, o esforço feito durante o trabalho devido ao excesso de informação. Alguns jornalistas pensam equivocadamente que redes sociais não são importantes. Quando o jornalista pensa desta forma, ele não compreendeu totalmente a função das mídias sociais e sua capacidade de alcançar novos públicos, e, talvez uma das principais, encontrar novas fontes.